sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Quer apostar???




Eu sei, eu sei... você vai me dizer: “De jeito nenhum! Aposta não é coisa de crente!” Mas eu vou te dizer: É sim! Pelo menos segundo Blaise Pascal.

Pascal foi o autor da aposta da fé. A coisa funciona mais ou menos assim: Pascal convida todo homem a fazer uma aposta com Deus. Ou ele aposta que Deus existe ou que não existe. O crente é o sujeito que apostou que Deus existe. Pela fé o crente sabe que apostou certo, mas o incrédulo não. Isso cria um problema porque se o sujeito apostar que Deus não existe e ele não existir, ele não perdeu nada. Mas se Deus existir... como se diz aqui em Minas: Xiii lascô!


Acho que até aqui nada de novo. Apostamos pela fé que Deus “existe e se torna galardoador dos que o buscam” (Hb 11.6) e cremos que apostamos corretamente.


O problema é que tem muito crente fazendo outro tipo de aposta e essa sim muito perigosa. Não eu não estou falando da Mega-Sena, apesar de saber que tem muito irmão que anda fazendo uma “fezinha” por aí. Estou falando da aposta profética.


Tem gente apostando alto no profetismo dos tele-bispos, bispas, apóstolos, pai-póstolos e afins. Gente até sincera que bota todas as fichas que têm nessa roleta russa chamada profecia moderna. Sim é uma roleta russa – uma hora a bala sai; a gente só não sabe na cabeça de quem.


É exatamente para esses “jogadores” que eu quero propor outra aposta:



Você aposta comigo que esse bando de profetas que andam tagarelando por aí, não passam de lobos devoradores, de falsos profetas e pastores de si mesmos? Quer apostar?


Se eu fosse você eu pensava bem... Por que se eu estiver errado, tudo bem pra você. Quem vai levar chumbo na asa sou eu mesmo. Mas se eu e mais um monte de “vozes que clamam no deserto” estivermos corretos, hum... sei não hein...
E aí? Quer apostar???

Marcelo Batista Dias

4 comentários:

Pedro, Débora e Patrick disse...

Marcelo,
Concordo c/ vc! Já vi muitas vezes esses pastores dizerem assim: "Hoje eu deixo de ser crente se Deus não operar um milagre."
Apostando, usando o nome de Deus em vão, jurando, chantageando, enganando os inocentes...

"quem conheceu a mente do Senhor, para que possa instruí-lo?" 1Co 2:16

"Porque quem compreendeu a mente do Senhor? ou quem foi seu conselheiro? Ou quem lhe deu primeiro a ele, para que lhe seja recompensado?" Rm 11:34,35

A inversão de valores está ocorrendo até entre o homem e Deus, e quem é servo agora quer ser senhor.

Digo uma coisa para esses pastores: podem apostar, mas não coloquem o nome do Altíssimo no meio, apenhorem suas próprias vidas e seus bens, se quiserem, mas não tomem por garantia quem ou aquilo que não é de vcs!

Aproveito o ensejo para agradecer a sua visita no nosso humilde blog e o edificante primeiro comentário! Não deixe de nos visitar, irmão!!! É uma honra tê-lo conosco!

Em Cristo,
Débora Silva Costa

Blog Fé e Razão:
http://ferazao-bang.blogspot.com/

Marcelo Batista Dias disse...

Vc tem toda razão Débora.

Obrigado por ter passado por aqui.

Pode deixar que estarei sempre com vcs lá.

Abrçs.
Marcelo

Ivelise disse...

Estamos nessa meu irmao!
Somos mais uma voz que clama no deserto!

Marcelo Batista Dias disse...

Valeu, Evelise!

Obrigado por dividir parte do seu tempo conosco.

Sempre q puder apareça, será muito bem vinda.
Abrçs

Marcelo

Bíblia On Line